Jovem emagrece 23 kg em 10 meses para ser comissária

Sizele Serafim parou de comer produtos industrializados, farinha e açúcar.
A jovem, que quer emagrecer mais 3 kg, saiu dos 86 kg e chegou as 63 kg.

Via: Bem Estar

 

como-emagrecer

Com o sonho de ser comissária de bordo, Sizele Serafim parou de comer produtos industrializados, farinha e açúcar e emagreceu 23 kg. Em dez meses, a jovem saiu dos 86 kg e chegou as 63 kg. Hoje, pretende emagrecer três quilos e definir o corpo.

Sizele esteve acima do peso durante sua infância e adolescência, mas foi em 2012 que passou a se incomodar. “Eu chorava muito toda vez que uma roupa não servia ou que eu era chamada de gorda”, conta a jovem. “Mas eu não mudava minha cabeça. Eu chorava e comia mais e mais.”

Nascida em Valinhos (SP), a jovem sempre quis ser comissária, mas, para isso, teria que aprender a falar inglês fluentemente e emagrecer. “Eu determinei que queria trabalhar em uma companhia aérea, mas existem regras. A aeromoça deve falar inglês e ter peso e altura determinados.”

O primeiro passo para realizar seu sonho foi fazer um intercâmbio de um ano para os Estados Unidos. O segundo foi se reeducar. “Eu tive a sorte de morar na casa de uma família fitness. Eles eram muito saudáveis. Tinham academia, não tomavam refrigerante e não comiam carboidrato. Eles me disciplinaram”, afirma Sizele, que teve dificuldades para se adaptar à nova rotina.

Quando voltou da viagem, decidiu “mudar a cabeça e melhorar a qualidade de vida”. Sizele se matriculou na academia, começou a fazer crossfit e procurou um nutricionista esportivo. “O médico me propôs uma dieta em que eu comeria muita carne, nada industrializado e eu perdi 6 kg em 45 dias”, explica a jovem.

Há dois meses, a jovem voltou a comer carboidratos e começou a fazer musculação. Com o objetivo de definir pernas e braços, Sizele consome batata-doce, abacate e toma suco verde todos os dias. “Hoje eu não tenho dieta. Eu tenho um novo estilo de vida. Eu aprendi a comer bem, a me alimentar com qualidade e quero seguir com isso.”

Apesar de estar feliz com seu corpo, Sizele prefere não se pesar. “Claro que hoje eu tenho autoestima, sou mais feliz, mas eu quero fortalecer meu corpo e a balança não se encaixa nisso.”

Sizele parou de comer carboidratos e produtos industrializados (Foto: Arquivo pessoal/Sizele Serafim)Sizele parou de comer carboidratos e produtos industrializados (Foto: Arquivo pessoal/Sizele Serafim)

No começo, a jovem sofreu para encarar a dieta com seriedade. “Era difícil ir às festas e não comer o que eu queria, na quantidade que eu queria. Mas hoje eu consigo sair com meus amigos e não passar vontade, até porque se eu comer as coisas que eu comia antes, passo mal.”

Sizele acredita que sua mudança de vida se deve ao seu sonho. “Eu precisei determinar a empresa que eu quero trabalhar e o corpo que eu quero ter, para me dedicar e mudar meus hábitos.”

Sizele decidiu emagrecer após morar um ano nos Estados Unidos (Foto: Arquivo pessoal/Sizele Serafim)Sizele decidiu emagrecer após morar um ano nos Estados Unidos (Foto: Arquivo pessoal/Sizele Serafim)

 

One Comment

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *