Dieta: “Tomei chá-verde com cravo e eliminei 70 kg”

Além de seguir a dieta Dukan, Maria Helena apostou nesse chá que é um poderoso termogênico. Ela reduziu 10 manequins!

Via: Sou Mais Eu

emagrecer-cha-verde-cravo

O ponteiro apontou 157 kg. Não acreditei. Desci e subi de novo na balança. Os três dígitos permaneceram intactos. Tirei o sapato, larguei a bolsa, soltei a chave do carro, arranquei o brinco… Só não tirei a roupa toda porque estava na farmácia. E era aquilo mesmo… “Mais perto dos 200 kg do que dos 100 kg”, pensei. A última vez que tinha subido em uma balança, seis anos antes, eu pesava 113 kg. Só estava encarando a bendita de novo porque tinha ouvido falar no poder da dieta Dukan, que estava bombando na época, 2012. E, pra começar esse programa, precisava antes saber meu peso. Fiquei apavorada com o número que vi. Entrei no carro arrasada e fui pra casa pensando que, se eu tinha alguma dúvida de que era hora de mudar, agora não havia mais!

Não me via tão gorda e levava uma vida normal
Eu já tinha tentado, sem sucesso, algumas dietas antes. Desde pequena minha mãe me levava a nutricionistas, mas eu nunca consegui seguir cardápios com quantidades controladas. Era muito gulosa. Aos 19 anos, quando atingi 113 kg, larguei mão de me pesar. Frequentava rodízios de pizza, fast-food, pastelarias e carrinhos de cachorro-quente sem culpa.
Não sei explicar como, mas não me via tão gorda. Levava uma vida normal: nunca deixei, por exemplo, de sair de casa por causa do sobrepeso. O problema maior era na hora de achar roupa para o meu manequim 66. Nada era bonito ou da moda e tudo era o dobro do preço!
“Come de tudo, à vontade, emagrece rápido e sem efeito sanfona”. Foi essa a chamada da reportagem que ouvi na TV sobre a dieta Dukan, há três anos. Me interessei. Convenhamos, comer à vontade e ainda assim emagrecer é tudo que um gordinho quer escutar.
Minha maior dificuldade era tomar água
Me senti desafiada a ver se aquilo funcionava e muito motivada porque o diferencial dessa dieta é a perda de peso rápida. Ela não restringe calorias nem quantidades, mas limita o consumo de carboidrato, dando prioridade às proteínas. Na mesma semana, comprei o livro da Dukan!
Foi uma leitura rápida. Grifei os principais pontos e montei cardápios com os itens permitidos: frango, peito de peru, requeijão zero, iogurte desnatado… São 66 tipos de proteínas liberadas na primeira fase dessa dieta, que tem quatro fases (para saber mais: www.dietadukan.com.br). Além da lista de alimentos proibidos e permitidos, há obrigações, como consumir farelo de aveia, ingerir 2 litros de água e caminhar 30 minutos todos os dias.
Eu seguia tudo direitinho, mas minha maior dificuldade era tomar a água. Como nunca tive esse hábito, precisava fazer alguma coisa para ajudar. E, já que chás são permitidos e assimiláveis à água, ou seja, podem ser deduzidos dos 2 litros impostos, apostei nas infusões! Sempre ouvia falar da ação emagrecedora do cháverde e fui pesquisar na internet. Vi a sugestão de adicionar cravo e descobri um grande aliado!
A combinação é um potente termogênico, ou seja, acelera o metabolismo, ajudando a queimar as gordurinhas! Além disso, a bebida regula o intestino e ajuda a combater a retenção de líquido. Passei a tomar até 1 litro por dia e ir bastante ao banheiro. É notável o quanto esse chá ajuda a desinchar! Sem contar que o cravo dá um gostinho bem mais agradável ao amargo do chá-verde. E nem preciso de adoçante!
Segundo o cálculo do site da Dukan, no total, eu deveria chegar aos 97,4 kg ao final do programa. No fim do primeiro mês de dieta, já vi a balança apontar 8,3 kg a menos. Uau! Aquilo me deu gás e segui adiante, mais firme ainda: aonde quer que eu fosse, levava minha própria comida!
Usei um biquíni depois de 17 anos: foi um sonho!
A perda de peso realmente foi rápida: eliminei 45 kg em apenas seis meses! Depois, o ritmo de emagrecimento desacelerou um pouquinho, mas não arredei o pé da dieta. Há um ano, completei 70 kg eliminados, sem remédio nem cirurgia, e venho mantendo até hoje! Estou na segunda fase da Dukan e, apesar de já ter atingido a meta que o programa calculou, tenho um objetivo pessoal que é despachar mais 7 kg. E vou conseguir!
Uma das minhas maiores alegrias é poder entrar em qualquer loja e comprar o que quero: roupa justa, vestido curtinho… Agora tudo tem no meu tamanho! O verão passado foi um sonho pra mim. Meu último biquíni tinha sido aos 10 anos de idade – depois só maiô com canga por cima. Botar o biquinão foi a consagração da minha vitória, foi meu troféu! O caminho foi longo e nem um pouco fácil, mas eu juro: vale cada esforço! – MARIA HELENA HILLESHEIN, 28 anos, administradora de empresas, Florianópolis, SC
O cardápio da Maria Helena
Café da manhã
• 250 ml de café preto com canela moída
• 4 fatias de bolo indiano Dukan (feito com farelo de aveia)
Dica da nutricionista: Diminua a quantidade de bolo e acrescente uma fruta para aumentar a quantidade de vitaminas e minerais. A quantidade de café também está bem alta. Reduza para uma xícara.
Lanche da manhã
• 250 ml de gelatina zero
• 2 colheres (sopa) de iogurte desnatado
Dica da nutricionista: Acrescente uma fi bra, como semente de linhaça ou semente de chia, para enriquecer o iogurte.
Almoço
• Escondidinho de abóbora com carne moída à vontade ou bife grelhado de carne bovina à vontade
• Salada de alface, rúcula, tomate, pimentão, pepino e cebola à vontade
Lanche da tarde
• 4 fatias de pão Dukan (feito com farelo de aveia)
• 2 fatias (finas) de queijo ricota
• 1 fatia de peito de peru
• 250 ml de café preto com canela moída
Dica da nutricionista: Reduza a quantidade do café mais uma vez. Substitua também as duas fatias do bolo por uma porção de castanhas para melhorar o aporte de gorduras do bem e minerais como o selênio, importante para o funcionamento da tireoide, glândula que controla o metabolismo.
Jantar
• Sopa de legumes com peito de frango à vontade
Foto: Shutterstock
Ceia
• 180 ml de iogurte desnatado
Ao longo do dia
• De 500 ml a 1 litro de chá-verde com cravo

Chá-verde com cravo aumenta a queima de gorduras e combate o inchaço!
A Maria Helena conseguiu eliminar incríveis 70 kg seguindo o método do médico francês Pierre Dukan (o programa completo é explicado no livro Eu Não Consigo Emagrecer, Editora Best Seller). E, como nessa dieta os chás são permitidos – e muito aconselháveis! – ela apostou na eficiente combinação de chá-verde com cravo. “Essa mistura potencializa o efeito dos dois ingredientes. Além disso, acrescentar cravo-da-índia é ótima alternativa para uma boa aceitação do chá-verde, que tem sabor amargo. Desse modo, não é necessário adoçar o chá, pois a bebida já terá um gostinho agradável”, afirma a nutricionista Yara Castro Spinardi. A especialista analisa as propriedades da infusão:
Confira os benefícios da bebida da Maria Helena
Foto: Shutterstock
✔ Possui efeito termogênico, ou seja, acelera o metabolismo e aumenta a queima de gordura, auxiliando a perda de peso.
✔ Melhora o funcionamento do intestino.
✔ Reduz o inchaço devido, principalmente, à cafeína, que é diurética.
✔ A bebida também traz muitos benefícios para a saúde por ser rica em vitamina C e possuir atividade anti-inflamatória e antifúngica.
Indicação de consumo
Para auxiliar a perda de peso, o interessante é tomar entre 4 e 6 xícaras por dia. Deve-se evitar o consumo próximo às grandes refeições, pois a bebida contém substâncias que atrapalham a absorção de alguns nutrientes. Evite também o consumo após as 16 h, pois, por ser rica em cafeína, pode dificultar o sono.
Chá-verde em folha ou saquinho?
O mais indicado é usar as folhas da erva, pois os chás de saquinho não trazem todos os benefícios.
Quem não pode
Pessoas com alteração na tireoide, anemia ou gastrite devem antes conversar com um nutricionista para avaliar o caso individualmente.
Receita do chá-verde com cravo da Maria Helena
Ingredientes
• 500 ml de água
• 1 colher (sopa) de chá-verde em folhas
• 6 cravos
Modo de preparo: Ferva somente os cravos na água. Depois, em um recipiente separado, coloque as folhas de chá-verde e despeje a água fervida com os cravos. Abafe por cinco minutos e está pronto. Beba quente ou gelado.
Dicas da nutri
• Ferva os cravos por cerca de dez minutos.

• Como o chá pronto dura até 12 horas, você pode prepará-lo pela manhã para ser tomado ao longo do dia. Mantenha em temperatura ambiente ou refrigerado. Não armazene de um dia para o outro.
• Não adoce a bebida, pois os efeitos serão anulados (mesmo com adoçante).

 

 

 

2 Comments

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *