Mulher morre depois de ingerir produto para emagrecer

Mulher morre depois de ingerir produto para emagrecer. Ana Claudia Salles, de 38 anos, já havia reclamado dos efeitos colaterais do produto

Via: Correio do Estado

produto para emagrecer

Ana Claudia Salles, de 38 anos, morreu, na noite de segunda-feira (1), depois de sofrer uma parada cardiorrespiratória enquanto estava internada em um posto de saúde do bairro Nova Bahia, em Campo Grande. A família acredita que o óbito tenha relação com medicamentos que ela havia ingerido para emagrecer.

250x300-jpg

À reportagem do Portal Correio do Estado, a irmã dela, Glaucea Regina da Silva Paiva, 41, contou que Claudinha, como era conhecida entre os amigos, recebeu a indicação da semente de noz da índia na academia que frequentava e passou a fazer uso do medicamento natural em 2015.

Ela chegou a dar depoimento à TV Morena, comentando sobre os efeitos colaterais que sentiu depois de consumir o produto: falta de ar, inchaço, cansaço, fraqueza no corpo, queda de pressão e até desmaios. Ela teve ainda uma lesão no fígado, com derramamento da bílis. À época, ela foi diagnosticada com intoxicação hepática e deixou de usar o produto.

Ana Claudia teve hepatite quando criança e a ingestão do medicamento pode ter agravado a situação. Ela aguardava por um transplante de fígado.

250x300H-2-3

No domingo (31), ela reclamou de falta de ar e foi levada para o posto, onde ficou internada. Ela chegou ao local consciente, mas teve piora no quadro, foi entubada e morreu.

Ana Claudia era estudante de psicologia e cantora evangélica. Ela deixa dois filhos, uma jovem de 18 anos e menino de três. O sepultamento será às 8h de quarta-feira no Cemitério Memorial Park situado na Avenida Senador Filinto Muller.

 

GOSTOU? ENTRE PARA O NOSSO GRUPO NO FACEBOOK E RECEBA RECEITAS DIARIAMENTE CLIQUE AQUI

 

728x90

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *